PAZ E SOSSEGO

17/02/2014 13:25
Então Gideão edificou ali um altar ao Senhor, e chamou-lhe: o Senhor é paz; e ainda até o dia de hoje está em Ofra dos abiezritas" Juízes 6:24.
YAHWEH-SHALON - Yahweh é paz ou Deus é paz e também podemos afirmar o Deus que manifesta a paz dentro de nosso ser!

 

Tomemos por exemplo a vida de Gideão. É bem possível que ele sequer suspeitasse que Deus um dia fosse lhe fazer uma visita pessoal e lhe daria instruções precisas acerca de seu povo e, lógico, de si mesmo e de sua família.

 

Quando Gideão recebe a missão em Ofra para libertar o povo de Israel do jugo dos midianitas, Deus se utilizou da força do Nome Yaweh-shalon para lhe garantir vitória e a certeza da paz que lhe acompanharia em todo o processo. (Juízes 6:24).
Quem eram os midianitas? Em resumo o inimigo!

 

Quem são os "midianitas" que querem nos tirar a paz? Não importa quem são ou quantos são. O importante é que o mesmo Deus que se apresentou a Gideão
 
igualmente nos acode e nos garante a paz! Sabe por quê?
Porque significa que essa Paz é divina e possui natureza e caráter especiais. Não é a mesma paz que um trago, uma tragada ou uma cheirada ou uma noitada pode proporcionar.

 

Jesus É o "príncipe da Paz", portanto, Seu principado está cercado e sustentado pela Paz. Sua promessa não se trata de uma isenção de aflições, mas, de paz acima de qualquer uma delas.

 

Nunca fracassaremos em Cristo, pois, o Nome dEle é poderoso e o podemos usá-Lo em qualquer situação, sendo a Sua força a nossa força. Naquilo em que não podemos, Ele pode e sem Ele nada podemos realizar de fato.

 

Como Paulo certa vez mencionou... nosso exterior pode até transparecer que se corrompeu, todavia o nosso interior se mantém tranquilo e confiante. Externamente podemos até transparecer pesaroso, todavia em nosso interior pulsa o sentimento e a certeza de que: "Eu sei EM QUEM tenho crido...". 

 

 Sim, podemos, pois como afirma Filipenses 1:6: "Ele começou boa obra em cada um de nós, e há de terminar" - portanto, o desígnio de Deus para cada um de Seus filhos está em "execução", cada dia nos transformando na imagem de Cristo.

 

A natureza da Paz que vem do alto, não somente nos traz eterno peso de glória, como também nos proporciona justificação, conforme lemos em Romanos 5:1. Por sua vez a justificação nos outorga a salvação, seguida de tranquilidade, confiança e bem-estar nos momentos difíceis. Aliás, difícil mesmo é crer e praticar verdades assim... mas, isso não é utopia... e sim a mais pura realidade...

 

Por mais que a superfície da alma esteja agitada e impelida por fortes ventos das situações adversas, e a existência esteja sendo sacolejada pelas tempestades que se levantam em nossa vida, todavia, bem lá no fundinho de nossa alma, a Paz continuará que vem dEle reinando...

 

 “Assim foram abatidos os midianitas diante dos filhos de Israel, e nunca mais levantaram a sua cabeça; e sossegou a terra quarenta anos nos dias de Gideão”. (Juízes 8:28).

 

por Vilson Ferro Martins - www.vozdotrono.com.br

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!